domingo, 13 de maio de 2012

Cigarro eletrônico

Também conhecido como e-cig, e-cigarette ou simplesmente e-cigarro.


Bastante difundido na Europa, este tipo de cigarro tem a venda proibida no Brasil pela Anvisa, por motivos imagináveis e inimagináveis.
O e-cigarro é composto por duas partes básicas:
O vaporizador
O cartucho
O vaporizador é um dispositivo eletrônico, que precisa ser carregado na tomada, como um equipamento eletrônico qualquer.
O cartucho contém água destilada e substância tóxica (nicotina). Existem também outras substâncias já conhecidas, tais como propilenoglicol, glicerina e flavorizantes, todas já amplamente utilizadas nos dias de hoje pela indústria alimentícia.
Ao ser tragado, o vaporizador atua sobre o cartucho, fazendo a água que está dentro dele vaporizar, e junto com a água, a nicotina. Portanto, a água vaporizada torna-se o meio de transporte para levar a nicotina aos pulmões do fumante.
O cigarro é comprado em forma de kit, que contém peças de reposição. Ou seja, após diversas tragadas, basta trocar a peça que contém a substância química e pronto (peça laranja na foto abaixo). O kit também possui dois dispositivos eletrônicos (parte branca na foto abaixo), onde estes "refis" são encaixados, dispositivos estes que devem ser carregados.

Para quem não fuma:
Quem não fuma geralmente se importa em ser um fumante passivo, mas neste caso, o que é expelido pelo fumante é vapor. Vale lembrar que o tabagismo passivo é a 3ª maior causa de morte evitável no mundo, de acordo com a OMS (causa câncer, infarto, etc).


Para quem fuma:
Um cigarro normal tem uma infinidade de substâncias, mas a que interessa mesmo ao fumante é a nicotina. Neste e-cigarro, não há estas outras substâncias, apenas a nicotina.

Características do e-cigarro:
Não compromete olfato e paladar;
Não causa escurecimento do dentes, inflamação das gengivas e mau hálito;
Não causa envelhecimento da pele
Não deixa mau cheiro na pessoa que fuma e no ambiente em que ela está fumando;
Não compromete o fôlego;
Não causa pigarro;
Não causa tosse crônica;
Não promove risco de incêndios;
Não polui o meio ambiente com bitucas;
Não provoca doenças relacionadas ao cigarro de tabaco, tais como: pneumonia, câncer (pulmão, bexiga, laringe, faringe, esôfago, boca, estômago), infarto de miocárdio, bronquite crônica, enfisema pulmonar, derrame cerebral, trombose, úlcera digestiva, impotência sexual, etc.;
Não expõe outras pessoas aos riscos da fumaça do tabaco (fumantes passivos);


E você? É à favor ou contra a liberação do e-cigarro no brasil? As questões políticas influenciarão nisto? (lembre-se dos bilhões que a indústria do tabaco movimenta no Brasil e no mundo).

Um comentário:

  1. After doing some online research, I got my first electronic cigarette kit at VaporFi.

    ResponderExcluir

Clique na pagina 5 para visualizar outras posts /\